Páginas

sábado, 10 de março de 2012

Como Fazer: Colares de Tecido

colares de tecido Como fazer colares de tecido

Nova etiqueta "Como Fazer"
Para as Garotas  que gostam de estar na moda, os acessórios são tão importantes quanto as roupa. Eles complementam a produção e podem transformar uma combinação simples em elegante. Ainda mais se o acessório escolhido tiver um toque da sua personalidade.
Os colares feitos de tecido estão em alta. Além de deixarem o visual mais alegre e colorido, são muito fáceis de fazer. Basta misturar cores, estampas, tecidos de diferentes texturas e incrementar com detalhes. Agora aos colares!

Como fazer colares de tecido

Separe retalhos, sobras de tecido em tiras. Na hora de escolher, misture cores e estampas diferentes para ter um efeito divertido. Use tecidos como malha de algodão, suplex, jérsei e liganete. Você também pode usar algumas fitas de cetim para substituir o colar.
A elasticidade dos tecidos permite que você brinque com as tiras e faça tranças, nós e amarrações diferentes. Uma opção é misturar diferentes formas de juntar os retalhos e fazer um colar cheio de detalhes diferentes. E se não quiser usar apenas linha e agulha para prender seu colar de tecido, invista nas correntes e alfinetes.

Os detalhes do colar podem ser aplicações de pedras, peças de madeira, de acrílico, metal ou até mesmo de tecido. Colocar miçangas para fazer um pingente ou incrementar o seu colar também é uma alternativa interessante. Outra ideia é apostar nos fuxicos – aquelas pequenas flores feitas de retalhos costurados, eles dão mais charme aos colares e quanto menores eles forem, mais delicado ficará o resultado.(corte uma pedaço de tecido em formato de circulo e va costurando a borda ate chegar no resultado final).



Experimente combinar seu colar com peças mais básicas, como regatas ou blusas de um ombro só, certamente vai combinar e deixar o seu visual ainda mais charmoso.    


Um comentário:

Deixe sua opinião sobre a postagem e sobre o blog.
Divulgue o seu blog deixando o link dele no comentário.
Criticas são bem vindas.